Foto Pixabay

Oiii Amigas e mães, tudo bem?

Toda mãe fala que um filho muda tudo nas nossas vidas, e daí resolvemos ter o segundo filho, e achamos que muita coisa vamos tirar de letra já que mães já somos né? Até acho que muita coisa eu achei que ia ser difícil mas foi bem mais tranquilo do que eu imaginada, mas vieram coisas novas que muitas vezes não sabemos como lidar.

E quem tem vontade de ter o segundo me questiona muitas vezes, não deu medo de engravidar de novo? Começar tudo do zero?

A gente acha que não, mas o segundo filho transforma a nossa vida novamente, mas é uma transformação sem medo, com mais prazer, querendo aproveitar cada segundo, já sabemos que passa muito rápido então queremos aproveitar! E sabemos que o choro faz parte e que vamos conseguir!

Com o primeiro filho parece que temos mais a necessidade de dormir, o segundo conseguimos administrar mais o tempo, e além de cuidar do bebê não podemos esquecer que tem ali um maiorzinho querendo ainda mais atenção.

Nunca vou esquecer que estava amamentando o Alexandre e o Gabriel queria ir muito no banheiro, e lembro que prontamente eu tirei o Alexandre do peito e levei o Gabriel no banheiro, e depois peguei o Alexandre e coloquei novamente no peito, acho que em alguns momentos o mais velho vai precisar mais de atenção do que o pequeno, já que o bebê já é o centro das atenções no momento.

bibi

Nesse momento eu estava amamentando o Ale, e o Gabriel esperando pra dormir, como não podia dar a mão ele pegou meu pé mesmo.

 

Com segundo filho também descobrimos que esquecemos de muita coisa, como limpar o umbigo? E banho como era mesmo? Quando que sentam? E os dentes? Água pode dar? Começa a comer quando? É muito engraçado mas esquecemos mesmo! A Maternidade é sempre uma descoberta, e nessas descobertas que pensamos como pode tanto amor no peito? Um amor que se multiplica de uma maneira descomunal, ver aqueles dois irmãos juntos, o mais velho com todo carinho e dedicação , é lindo de ver um amor crescendo em uma criança tão pequena! É claro que tem muito ciúmes, mas tem cenas que registramos em nossos corações que vai ficar pra sempre em nossa memória.

E por incrível que pareça, ter o segundo filho é tão bom que temos vontade de ter o terceiro, claro que ter filho não é tão fácil assim, se exige estrutura financeira e várias outras coisas que vocês já sabem (eu seria mãe de 5 fácil).

Meu primeiro filho não foi planejado, mas o segundo foi. Pensei muito o porquê que eu queria outro filho, já que o Gabriel já estava independe para algumas coisas, meu instinto materno gritava por outro filho, confesso que pensava muito em ter uma menina, um casal seria perfeito! Pensava também que ter irmão é tão bom, e que seria ótimo para o Gabriel, ter irmão é maior vínculo com o passado!

Como disse meu instinto materno gritava tanto que parei com o anticoncepcional em fevereiro e abril estava grávida!!! Era muito amor, e naquele momento já nem pensamos se vai ser menina ou menino, só queremos é saúde! Curti cada momento dessa gravidez, e agradeço muito a Deus por ter sido abençoada novamente. SER MÃE É DIVINO!   meninos

Quem tem dúvida em ter o segundo, se está na dúvida é porque quer ter o segundo! É só deixar os medos de lado e deixar o amor tomar conta.

Mãe sempre dá conta de tudo, e com muito mais amor fica mais leve.

Beijos.

12 Comentários

  1. Natália Stanoski Cardoso disse:

    Que lindo! Quantos anos o teu maior tinha quando tu engravidou novamente?
    Bjss

    • Roberta disse:

      Oii Natália

      Ele tinha de 4 para 5 anos, teve bastante ciumes… mas foi se adaptando.

      Tu pretende ter o segundo?

      Beijos

  2. Eu tô tentando o segundo! Sei que nenhuma gestação e filho não é igual a outra mas tô preparada pro que der e vier ♥

  3. […] blog Amigas e Mães conta sobre a experiência do segundo filho: A gente acha que não, mas o segundo filho transforma a nossa vida novamente, mas é uma […]

  4. Gabi Miranda disse:

    Ahhh adorei!!! Concordo sobre a transformação que passamos com o segundo filho. E acho que melhoramos como mãe, inclusive par o primeiro. Ontem falei um pouco disso no post que falo sobre minha segunda filha: http://www.bossamae.com.br

    😉

  5. Infelizmente sou mãe de uma. É uma grande frustração que carrego comigo, pois enquanto estive casada, o marido era veementemente contra o segundo filho, mesmo que eu quisesse muito. E não chegamos a um consenso e nos separamos antes de eu realizar este sonho. Mas é tão com acompanhar esta experiência com outras mães. A sensação de ter mais de um em casa. Amei seu relato cheio de amor

  6. Tatiana disse:

    Realmente não deve ser fácil, e cabe a mãe administrar o tempo e a atenção para minimizar os conflitos e o ciúmes.

  7. Vou viver essa experiencia de segundo filho em breve e confesso que até na gravidez me esqueci de tudo o que já passei antes! Não deve ser fácil, mas sei que as recompensas fazem tudo valer a pena!

  8. Tudo tem seu ônus e bônus né?
    Demorei pra decidir ter o 1°…. acho que vou parar a produção por aqui….

  9. Camila disse:

    Eu sempre quis ter uma família grande. Hoje com três filhos vejo que aprendemos sempre, cada filho é único e sempre tem coisas para nos ensinar.
    Adorei seu texto.

  10. Josi disse:

    Amei sua história muito linda!!!
    Também quero aumentar minha família e realizar o meu sonho que é ter dois filhos,espero que dê tudo certo!!!
    Beijos

  11. Mayara disse:

    Ameei seu blog.
    Eu sempre quis ter dois filhos, e deixei isso bem claro ao meu marido, desde antes de namorarmos, meu filho está com 1 ano e 7 meses, e ele acabou de deixar claro que quer apenas um filho, porque “não sou mulher”.
    Decepcionada e questionando se devo continuar casada, em um casamento, somos um, e devemos compartilhar dos mesmo sonhos, eu deixei isso bem claro desde que nos conhecemos, mas ele nunca disse querer apenas um. Estamos em sério conflito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This